quinta-feira, 20 de dezembro de 2012

O mundo não vai acabar


O mundo não vai acabar
O mundo não vai acabar amanhã, 21 de dezembro de 2012. Ponto. Final ou de exclamação. Não tenho o menor receio de queimar a língua – ou os dedos nesse teclado – com relação a esse assunto.
 Tem alguns vídeos no YouTube, com menos de 5 minutos de duração, proclamando o dia do juízo final sem nenhum embasamento bíblico.
Sobre o fim do mundo, é lamentável que um tema sério e de altíssima consistência bíblica seja explorado de forma tão vergonhosa quanto equivocada. Na verdade, há um fascínio quase incontrolável do ser humano pela hora, dia, mês e ano da volta do Senhor. Já vi os mais mirabolantes cálculos apontando o “apocalipse”.
Movimentos como esse surgem e desaparecem como a névoa da manhã. Envolvem incautos e “analfabetos bíblicos funcionais” que povoam todas as denominações cristãs. No final, infelizmente, deixam o rastro do descrédito, deboche e o nivelamento imerecido entre o estudo escatológico sério e o sensacionalista.
Não custa lembrar: o dia e a hora (inclusive mês e ano!), ninguém sabe. Essa é uma prerrogativa divina (Mateus 24:36). Ele, porém, deixou bem claro os sinais indicativos. E todos tem se cumprido religiosamente ao longo da história. Não há como negar. O dia se aproxima! “Portanto, vigiai [ficai atentos!], porque não sabeis em que dia vem o vosso Senhor” (Mateus 24:42). E não vai ser em 21 de dezembro de 2012. Podes crer!
Ele vem. Ele voltará. Ele nunca deixou de cumprir o que prometeu. Mais de duas mil vezes o assunto é abordado com seriedade na Bíblia. Por isso, uma boa lida nos capítulos 24 e 25 de Mateus já será suficiente para ninguém ser levado por qualquer “vento de doutrina” (Efésios 4:14).
Este velho mundo não vai acabar nessa sesta. Uma pena! Quando isso acontecer será o começo de um novo tempo. Um novo céu e uma terra. E essa é a melhor e principal notícia do tempo do fim. Volte logo, Senhor! Maranata!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Por favor, note que os comentários são moderados e que todos
os spams, insultos, proselitismo e discursos de ódio serão removidos.