quinta-feira, 6 de dezembro de 2012

Medicina Regenerativa


Olá caro amigo leitor APOCALINKIANO !

É normal atingirmos a todos os públicos mas hoje trago esperança (o APOCALINK também pode ser esperança rs) àqueles que tem algum membro amputado. Trata-se de um pó regenerativo.

Talvez você se torne crente no poder do pó mágico ao ver como esse pó especial regenerou esse dedo. O coroa em questão pôs o dedo na hélice de algum mecanismo mostrado no vídeo, cortando a primeira parte de seu dedo como também é mostrado. E o pó mágico regenerou em quatro semanas a carne, ossos, unha e vasos sanguíneos.
Esse pó é chamado de Matriz Extracelular (Extracelular Matrix) é um composto formado de bexiga de porco, proteínas e tecido conectivo que os cirurgiões geralmente usam para reparar tendões mas o que intriga é o poder desse composto usado para a regeneração, lançando um novo campo que é a Medicina Regenerativa.
O pó diz ao corpo onde começar a regenerar. A crença é a de que a Matriz de alguma forma diz às células tronco do corpo onde começar a regenerar, mobilizando as células que mantém e reparam tecidos danificados.
Agora a pergunta é: se pode regenerar um dedo, poderia regenerar um membro por completo? E a resposta é: em teoria. Essa teoria de que seria possível regenerar um membro inteiro está prestes a ser estudada pelo exército dos Estados Unidos (Ah! Sempre eles). O exército está trabalhando em conjunto com a universidade de Pittsburgh e estão prestes a usar o pó nos dedos amputados dos soldados que vieram da guerra. O responsável pelos estudos, Dr. Steven Wolf, diz que o governo dos Estados Unidos investiu pesado em regeneração, esperançosos em recuperar membros, músculos e até mesmo pele queimada.
Assistam dois casos diferentes abaixo. O primeiro trata-se do coroa em questão o outro de uma criança que perdeu o dedo em uma porta.





Os invejosos vão falar que é Photoshop/After Effects.

Um comentário:

Por favor, note que os comentários são moderados e que todos
os spams, insultos, proselitismo e discursos de ódio serão removidos.