segunda-feira, 3 de dezembro de 2012

Em Curitiba, cadáveres continuam crescendo cabelo e barba

Um caso que faltava no Apóca: Cadáveres que mesmo após 30 anos, continuam tendo seus pelos crescendo. Na espécie de museu do IML de Curitiba, isso acontece, e é necessário que se corte o cabelo e barba de cadáveres em esposição, periodicamente.
Assista abaixo:



Alguma explicação?

3 comentários:

  1. talves seja os efeitos quimicos dos industrializados

    ResponderExcluir
  2. Isso não tem nada de anormal,quando morremos os cabelos e as unhas continuam crescendo até que o corpo todo se decomponha,nesse caso como os corpos mortos estão em exposição os cabelos crescem,não tem nada de misterioso e sim biologia. :)

    ResponderExcluir
  3. mano que loucura !!!!!!!!!!!!!!

    ResponderExcluir

Por favor, note que os comentários são moderados e que todos
os spams, insultos, proselitismo e discursos de ódio serão removidos.