segunda-feira, 23 de janeiro de 2012

SOPA e PIPA - O contra-ataque Illuminati

mment

Se você está nesta página agora provavelmente é porque você gosta de obter  informações de fontes que não são da mídia de massa. Esteja ciente de que isso pode mudar radicalmente se o SOPA, uma enorme  projeto de legislação de censura na internet, for aprovado. Enquanto se diz que o objetivo do SOPA é a luta contra pirataria na internet, os poderes que lhe confere a governos e corporações da elite vão muito além questões de direitos autorais. Sites inteiros poderiam ficar desligados sem aviso prévio e sem uma ordem judicial legítima, mesmo que não esteja explicitamente hospedando conteúdo pirata. Acha que estou indo longe demais? Bem, isso já aconteceu algumas vezes e o SOPA  irá simplesmente torná-lo completamente legal, legítimo e muito mais fácil. Blogs como o "Knowledge is Power" serão alvos fáceis para essa nova lei. Com a lei Marcial, o SOPA, o PIPA (até mesmo a lei da palmada no Brasil é uma tática da elite). O que mais falta para tornar mais óbvio que o século 21 será marcado pela volta da ditadura?

Protesto 
 

As grandes empresas de entretenimento dos EUA são as que apoiam o projeto, entre elas: The Walt Disney Company, Universal Music Group, Motion Picture Association of America, Recording Industry Association of America, Wal-Mart, Toshiba, Time Warner e CBS entre outras. Algumas, porém, depois dos constantes protestos, retiraram seu apoio ao SOPA, como fizeram a Eletronic Arts e a Sony. Alguns dos sites mais acessados na Internet ameaçaram tirar suas páginas do ar temporariamente, um protesto que tem sido chamado de blackout. A Casa Branca e grandes organizações como Google, Mozilla, AOL, LinkedIn, Facebook, Twitter e Zynga devem aderir ao manifesto. O blackout já foi feito por alguns sites, incluindo alguns brasileiros. Entre eles, estão Wikipédia, Idec, A2K Brasil, Cultura Livre, CTS Game Studies, Estrombo, Observatório da Internet, Open Business.

Na quarta-feira, diversos sites norte-americanos protestaram contra dois projetos de lei parecidos, chamados Pipa (do inglês, lei para proteger a propriedade intelectual) e Sopa (do inglês, lei para impedir a pirataria online). A Wikipedia está entre as maiores páginas que aderiram ao protesto, ficando fora do ar durante 24 horas durante toda a quarta. No entanto, não se entusiasmem. Todos os sites o contra temem apenas a perda de lucro.

Megaupload

O FBI, polícia federal dos Estados Unidos, restringiu o acesso ao site de compartilhamento Megaupload, que saiu do ar nesta quinta-feira (19). De acordo com a autoridade policial americana, o site “promove a distribuição em massa” de conteúdo protegido por direitos autorais. O prejuízo causado pelo Megaupload e outros serviços de compartilhamento afiliados chega à ordem de US$ 500 milhões, informa o FBI.

O Megaupload contava com o apoio de várias celebridades da música. Talvez por esse motivo, os "chefes" não devem ter aprovado a propaganda que estava sendo veiculada com os vídeos, como este do Kanye West, em que ele diz que gosta do Megaupload por esse a maneira mais rápida e fácil de compartilhar arquivos. 





Anônimos



Em resposta aos ataque federais de ontem sobre o compartilhamento de arquivos do serviço Megaupload, o grupo hackers Anônimos quebrou sites do FBI, Departamento de Justiça, da Universal Music Group, RIAA, Motion Picture Association of America e Warner Music Group. No perfil do grupo no Twitter (@anonops), eles comemoravam a queda do site FBI.gov com a expressão "Tango down", usada por soldados para dizer que o inimigo foi morto.

Em um post no site AnonOps Communications, a organização hacker anuncia que este será o maior ataque de todos os tempos e reforça que a intenção é acabar com a SOPA. O assunto "The Internet Strikes Back" (algo como, a internet dá a revanche), que faz referência aos ataques, já está nos trending topics do Twitter.

 A situação atual, na verdade, é refexo das mudanças que precisam ser feitas para comportar uma nova estrutura que eles querem introduzir. Antes de se construir um edifício, é necessário preparar o terreno. Em outras palavras, com a aprovação do SOPA e PIPA, o governo terá maior poder em sua mão para controlar a vida das pessoas. Controlar a Internet é trazer novamente a censura, contra a qual muitos lutaram no passado. Não somos a favor da pirataria, apenas entendemos que as leis referentes a direitos autorais e compartilhamento de arquivos, para o uso sem fins lucrativos, nunca foram e nunca serão tangíveis.O governo conhece outras formas de combater a pirataria; o SOPA e o PIPA soa mais como um contra-ataque ao incrível compartilhamento de informações (mídia alternativa, blogs, vídeos etc.)que dificultaram muitos dos planos que os Illuminati poderiam ter em mãos. Este vídeo abaixo resume um pouco essa questão.

Autor: Danizudo

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Por favor, note que os comentários são moderados e que todos
os spams, insultos, proselitismo e discursos de ódio serão removidos.