quarta-feira, 31 de agosto de 2011

PORTAIS PROIBIDOS- Tomo 7 : Os segredos da Sibila

PORTAIS PROIBIDOS
Como a Genética, Robótica, Inteligência Artificial, Biologia Sintética, Nanotecnologia, & Aprimoramento Humano influenciarão a nova Guerra Dimensional Espiritual

OS SEGREDOS DA SIBILA

Além do novo tipo de espiritualismo evangélico mencionado no capítulo anterior que serve para varrer o cristianismo verdadeiro da maioria dos igrejas de  hoje, existem outras  expressões do neo-paganismo que vão desde auto-ajuda nas organizações que trabalham com empresas , oferecendo a seus empregados simpósios para produzirem positivismo,  harmonia, prosperidade e sucesso nos negócios. Mas há outras formas não tão sutis de paganismo, como o praticado pela Wicca no Movimento de espiritualidade das mulheres(Nos E.U.A),  em que mais de 600.000 mulheres  participaram a invocação de antigas deusas da terra . Onde lojas de varejo em shoppings estão surgindo  para atender a necessidade de réplicas de imagens de ídolos das divindades populares do sexo feminino, e toda uma parafernália de marketing utilizada no ocultismo,  a veneração  as deusas (com cristais, velas, livros de feitiços, etc) tornou-se uma indústria multimilionária.  livrarias seculares foram substituídos por lojas da moda da Nova Era(Necromancia , entre outras). localizadas nos shoppings mais elegantes e em  áreas mais bonitas das cidades ,onde o negócio está crescendo, com vendas de dedos humanos pendurados em  cordões de couro, colares com dentes humanos, contas de osso, e crânios humanos, incluindo até pequenos fetos. Enquanto os donos de lojas são geralmente adeptos da Nova Era ou bruxos praticantes, as empresas de Necromancia e similares são atentamente apoiadas por uma população crescente de fiéis, neo-pagãos, políticos, artistas de Hollywood, e  professores de ritos misteriosos e ocultistas. Não muito tempo atrás, uma bruxa  alegou ser uma prostituta do templo da deusa Astarte e fez sexo e magia na porta do templo com 251 homens de maneira sequencial, na University of Southern California.

Hoje, os adeptos do misticismo tem a ousadia de perguntar: "Se Deus é nosso Pai, quem é nossa Mãe?" Em seguida, eles alegremente respondem, a "Terra!" Não surpreendentemente, a adoração ao "espírito" da Terra como uma deusa mãe foi revivida como uma característica central do fenômeno religioso contemporâneo. Em 2010, o Dia da Terra foi comemorado  coordenadamente por milhões de pessoas em todo o mundo, em um esforço universal que visa salvar "nossa Mãe Terra do perigo." Os líderes cristãos concordavam com a  "Promessa Verde" e as bruxas Wiccas realizavam rituais arcanos em homenagem ao espírito de Gaia . O Interesse por engenhocas e penduricalhos como cristais, pedras anergizadas,patuás usados por várias religiões antigas como métodos primitivos, segundo eles, são eficazes para abrir  portais na superfície da terra para fazer contato com o espíritos do submundo. Neste método de comunhão com Gaia,  praticado por várias religiões e devotos da Nova Era, os praticantes devem estar sentados em um semicírculo em torno de pedras aquecidas e entrarão em um estado místico de consciência. Tal como acontece com as igrejas DMT (mencionado pelo Dr. Bennett em um capítulo anterior desta série) que usam drogas psicoativas para abrir portais na mente, a condição mental alterada é realizado através de  canto repetitivos hipnóticos ou mantras, tambores, e respiração de fumaça de estimulantes como o ''peiote''(Peiote (Lophophora williamsii) é um pequeno cacto cuja região nativa estende-se do sudoeste dos Estados Unidos (incluindo os estados do Texas e Novo México) até o centro do México. Tem sido usado por séculos pelos efeitos psicodélicos experimentados quando ingerido..), então espírito de animais, chamados de "animais de poder", são convidados para guiarem  as almas através da jornada pelo submundo ou na "buscas por visões", e os participantes são encorajados a "dançarem com seu animal Espiritual" para terem revelações e a cura do corpo e da mente. A dança de origem animal, é realizado para permitir que o espírito da criatura possa entrar e tomar o controle dos participantes. Dra. Leslie Gray, instrutora de universidade, observou que o xamã emprega o uso da "dança animal" no tratamento (xamânica) psiquiátrica de seus pacientes. Ela descreveu os resultados positivos da dança  animail no caso de uma mulher jovem com sindrome do pânico, dizendo: "Eu [estabeleço] no chão ao lado dela e a coloquei  em um estado alterado de consciência através de uma música gravada em  cd de percussão. Voltei da minha "viagem" e soprei o espírito de um leão da montanha em [seu]nariz . Eu, então, instruiu-a assumir a natureza do seu animal de dança ... [e quando ela fez] ela não sentia mais medo das pessoas. " 
Naturalmente centrada em recursos  da terra , tais como animais, cristais e até mesmo cores são, portanto, os produtos  escolhidos pelos alunos da espiritualidade . Luz azul é a cor do céu da Mãe Terra, de modo que velas azul claro são queimados para adquirir sua tranquilidade,  mágica ou compreensão. Velas vermelhas são queimados para dar força ou para o amor sexual, e velas verdes para a auxílio financeiro. Instrumentos como varinhas mágicas também são feitas geralmente de salgueiro, carvalho, ou galhos de árvores frutíferas. Poções mágicas empregadas durante as Esbats (celebrações realizadas durante as luas nova e cheia) também contêm subprodutos naturais da Terra, incluindo o trevo, azeite de oliva, suco de uva, dentes de alho, e botões de rosa. Cerimônias especiais usando as amostras de terra são conduzidas até o cruzamento de três ruas (o assombroso caminho triplo de Hécate, visto no capítulo anterior) e dedicado à Mãe Terra,  deusa Gaia, Deméter, Perséfone, Isis, Afrodite, Hathor, Hera, Diana, Atena, e Hécate. Crianças foram levados para a floresta e ensindas a usarem galhos de árvores, pedras, e outros produtos naturais para traçar trilhas e orações mágicas, com os participantes se movendo em labirintos até áreas específicas místicas onde eles iriam depois parar e meditar para se "conectarem com os espíritos." (O significado oculto do simbolismo de um jovem passeado nos campos é perigosamente significativo, pois o andar por tais labirintos começou na mitologia , na história da rainha Pasífae e seu caso amoroso com um touro sacrificial. A união resultou no nascimento do Minotauro transgênico, uma criatura que vivia em um labirinto onde todos os anos os meninos e meninas eram enviados para serem sacrificados.). Enquanto em tempos antigos , os rituais foram  foram projetados especificamente para elevar a deusa ou divindade feminina, o que, conseqüentemente, também definiu as sacerddotisas "oráculos" ou porta-vozes guardiões  e até mesmo os deuses mais poderosos do sexo masculino na Antiguidade, incluindo Apolo, o antigo espírito , que as  Escrituras dizem que vai subir para habitar no Anticristo no fim dos tempos.

ORÁCULO DE DELFOS
Localizado no continente da Grécia, o omphalos de Delphi (Onfalos é uma palavra grega (Oμφαλoς) que significa umbigo. O umbigo é, desde tempos remotos, o símbolo do centro a partir do qual se dá a criação do mundo e está presente em muitas culturas.
É representado, normalmente, por uma pedra, que pode ou não ser trabalhada, junto da qual se fazem diversos rituais religiosos. O historiador e geógrafo grego Pausânias escrevia que o onfalos era o símbolo do centro cósmico, onde se cria a comunicação entre o mundo dos homens, o mundo dos mortos e o mundo dos deuses),  ainda podem ser encontradas entre as ruínas do templo de Delfos, Apolo. Tão importante era oráculo de Apolo, em Delfos, onde quer que o helenismo existisse, seus cidadãos e os reis, incluindo alguns de lugares tão distantes como a Espanha, planejavam a sua vida, as colônias, guerras atarvés de  sua comunicação com o sagrado. 
Situado em Delfos, o Oráculo de Delfos era dedicado principalmente a Apolo e centrado num grande templo, ao qual vinham os antigos gregos para colocarem as suas questões aos deuses. Situado na Grécia, no que foi a antiga cidade chamada Delfos (que hoje já não existe), no sopé do monte Parnaso.
Delfos era um recinto e um complexo de construções num terreno sagrado para os antigos gregos, onde se realizavam os Jogos Píticos e havia um templo consagrado ao deus Apolo, originalmente consagrado à Pítia. Neste templo, as sacerdotisas de Apolo (Pitonisa) faziam profecias em transes. As respostas e profecias ali obtidas eram consideradas verdades absolutas. Hoje, suspeita-se que os transes e visões das sacerdotisas eram provocados por gases emitidos por uma fenda subterrânea no local.
 Durante o transe, a personalidade do médium, muitas vezes mudava, tornando-se melancólica, desafiadora, ou até mesmo animalesca , uma psicose que podem ter sido a fonte do mito do lobisomem, ou licantropia, como a pitonisa foi possuída por Apolo/Lykaios-o deus lobo .  "mulheres de piton" profetizaram dessa maneira por quase mil anos e foram considerados uma parte vital da economia e da ordem e locail de cada comunidade pagã helenística. Isso acrescentando a adopção da pitonisase sibilas por certos quadrantes do cristianismo como "vasos de verdade." Estas mulheres, cujas vidas foram dedicadas à canalização dos lábios frenéticos as mensagens dos deuses e deusas demônio, transformou-se especialmente na arte  católica de altares para livros ilustrados e mesmo sobre o teto da Capela Sistina, onde cinco sibilas juntam-se aos profetas do Antigo Testamento em lugares de  sagrados. A Sibila de Cumas (também conhecido como Amalthaea), cuja profecia sobre o retorno do deus Apolo é codificado no Grande Selo dos Estados Unidos (Post falado exaustivamente aqui no blog ), era a mais velha das sibilas e avidente do submundo que, em  Eneida(A Eneida (Aeneis em latim) é um poema épico latino escrito por Virgílio no século I a.C.. Conta a saga de Eneias, um troiano que é salvo dos gregos em Troia, viaja errante pelo Mediterrâneo até chegar à região que atualmente é a Itália. ), onde Enéas deu um passeio pela região infernal.

SAIBA MAIS SOBRE O ORÁCULO DE DELFOS NESTE DOCUMENTÁRIO:

Seja por malandragem ou poder do oculto, as profecias das Sibilas eram por vezes incrivelmente precisas. O historiador grego Heródoto (considerado o pai da história) gravou um exemplo interessante dista. Creso, rei da Lídia, tinha expressado dúvidas sobre a precisão do oráculo de Apolo, em Delfos. Para testar o oráculo, Creso enviou mensageiros a consultar a profetisa Pítia a respeito do que ele, o rei, estava fazendo em um determinado dia. A sacerdotisa surpreendeu os mensageiros do rei, visualizando a questão e formulou a resposta antes que eles chegassem. O  historiador diz.

No momento em que o Lidians (os mensageiros de Creso) entrou no santuário, e antes de colocar as suas questões, a Pitonisa respondeu-lhes, assim, em verso hexâmetro: "No  meu sentido não fere o cheiro de um casco de tartaruga , agora ebulição em um incêndio, com a carne de um cordeiro, em um caldeirão no latão . É o vaso abaixo, e é de bronze a tampa sobre ela. "

Estas palavras, o Lidians escreveu o que a Pitoniza profetizou, e então partiu em seu retorno a Sardis.

[Quando] Croesus desfez o rolo ... [ele] imediatamente fez um ato de adoração ... declarando que o oráculo de Delfos era o único santuário realmente oracular. ... pois na  a partida de seus mensageiros pensou  que era impossível para qualquer um conceber o que ele estava fazendo, e então, esperou, ele fez como ela tinha determinado. Ele pegou uma tartaruga e um cordeiro, e cortou-os em pedaços com as próprias mãos, cozidos juntos em um caldeirão de bronze, coberto com uma tampa que também foi de bronze. (Heródoto, Livro 1:47)
Outro exemplo interessante de discernimento espiritual de uma sibila apolínea é encontrada no livro do Novo Testamento de Atos. Paula revevela que era o demônio que energizava a jovem sibila:
Certo dia, quando íamos à oração, eis que nos veio ao encontro uma moça escrava que tinha o espírito de Piton(pitonisa ou Sibila, uma vidente de Delfos), a qual com as suas adivinhações dava muito lucro a seus senhores.
Pondo-se a seguir a Paulo e a nós, gritava: Estes homens são servos do Deus Altíssimo, que vos anunciam o caminho da salvação.
Repetiu isto por muitos dias. Por fim, Paulo enfadou-se. Voltou-se para ela e disse ao espírito: Ordeno-te em nome de Jesus Cristo que saias dela. E na mesma hora ele saiu.
Vendo seus amos que se lhes esvaecera a esperança do lucro, pegaram Paulo e Silas e levaram-nos ao foro, à presença das autoridades.
Em seguida, apresentaram-nos aos magistrados, acusando: Estes homens são judeus; amotinam a nossa cidade.
(Atos 16:16-20)
A história em Atos é interessante porque ilustra o nível de cultura e economia que havia sido construído em torno da adoração ao oráculo de Apolo. Duas consultas oraculares custava salários acima da média ateniense,  e o custo médio para os legisladores ou oficiais militares que procuvam por informações  importante sobre o Estado eram cobrados pelo menos dez vezes essa taxa.

Mas agora, como diz o velho ditado, "tudo velho é novo outra vez", e em todo o mundo uma quantidade impressionante de receitas está fluindo mais uma vez dos oráculos divinos com o propósito de abrir portais sobrenaturais. Através da pharmakeia, grimórios, talismãs, diagramas magicos, canalização sibilina, e dezenas de outros métodos, os adeptos da nova espiritualidade estão ativamente buscando contato com os poderes do mundo sombrio  da mesma forma que foi feito  nos dias da antiguidade.

Uma das formas mais curiosas da atividade oracular em uso por adivinhos modernos é o psychomanteum:
(* Pronuncia aproximada: Saicomãntium)


O meu primeiro contato com informações sobre o Psychomanteum ocorreu através do documentário Ancient Prophecies exibido pelo HBO Channel, produzido por Paul Klein e apresentado pelo ator David McCallum. O meu objetivo aqui é trazer a informações sobre o assunto sem que haja qualquer intenção de induzi-lo a uma experimentação prática do mesmo(Longe disso ,pois o Apocalink é cristão nascido de novo e liberto pelo sangue de Jesus).

A origem do Psychomanteum

Os antigos gregos acreditavam que, sob determinadas circunstâncias, eles poderiam interagir com os espíritos dos mortos usando um espelho de observação. Para esta finalidade construíram os Oráculos dos Mortos ou Psychomanteum.


Os indivíduos que desejavam contatar os mortos e que procuravam o Oráculo, eram preparados no complexo subterrâneo por um período que poderia durar cerca de um mês antes que o mesmo fosse admitido à câmara principal. Este período fornecia uma privação sensorial necessária na preparação para o processo de visão. Neste período comia-se pouco, não se via a luz do Sol ou era exposto a qualquer som. Após este período de preparação, o indivíduo era levado à câmara principal. Nesta câmara estavam presentes os oráculos, sumos sacerdotes da vida após a morte. Todos reunidos em volta de um imenso caldeirão de bronze polido, que preenchido com água, formava uma superfície refletora. Esta superfície, iluminada pela luz difusa artificial propiciava o espelho de observação onde as visões aconteciam.



Oráculo
Após terem terminado seu tempo dentro da câmara, eram levados para serem purificados com sulfura (enxofre), que era de uso comum em indivíduos que tiveram contato com os mortos. Então, recebiam um banho ritual para limpá-los completamente.


Na Odisséia, Homero fornece um detalhado exemplo de como isto poderia ser feito sem um psychomateum ou os elaborados rituais que eram realizados. Ao visitar o Oráculo, ele é instruído a escavar um poço, enchê-lo com sangue de animais sacrificados e usar a superfície reflexiva formada como um espelho através do qual poderia se comunicar com os espíritos.


Nos anos 50, Sotiris Dakaris, um arqueólogo grego, redescobriu o local, que foi atribuído a um complexo subterrâneo, com corredores e câmaras que conduziam finalmente ao lugar onde as aparições eram vistas. Dentro dele, havia um enorme caldeirão de bronze que quando altamente polido e enchido com água, se tornava altamente reflexivo.
Nos tempos antigos, o sistema de espelho psychomanteum foi empregado pelos gregos primitivos em cavernas subterrâneas sombrias chamadas  de "salas de visões." Pé na frente de uma superfície de metal brilhante ou caldeirão, antigos viam e falavam com aparições. Os sumérios, egípcios e romanos empregavam oráculos similares de cristal polido, espelhos de bronze, e poças de água, e alguns argumentam que o apóstolo Paulo estava se referindo a oráculos de espelho quando ele disse:
"Porque agora vemos por espelho em enigma, mas então veremos face a face: agora conheço em parte, mas então conhecerei como também sou conhecido "(1 Coríntios 13:12).

O oráculo foi revivido na década de 1990 na Reunions Books, em um estudo realizado por Raymond Moody , mais de 50 por cento dos 300 usuários do psychomanteum  alegaram que foram contactados por defuntos de  "parentes" ou "amigos" na primeira tentativa. Pessoas entrevistadas pelo Sr. Moody incluíam médicos, professores, donas de casa, empresários, e autoridades policiais. Uma testemunha, um contador que sofreu com a morte de sua  mãe á um ano, testemunhou a sua experiência com o psychomanteum:
Não há dúvida de que a pessoa que eu via no espelho era minha mãe! Eu não sei de onde ela veio, mas estou convencido de que o que eu vi era a pessoa real. Ela estava olhando para mim no espelho .... Eu poderia dizer que ela estava como em seu final aos setenta anos,  a mesma idade ... quando ela morreu. No entanto, ela parecia mais feliz e mais saudável do que quando  no final de sua vida. Seus lábios não se mexeram, mas ela falou comigo e ouvi claramente o que ela tinha a dizer. Ela disse: "Estou bem", e sorriu .... Eu fiquei tão relaxado quanto eu pude e apenas olhei para ela .... Então eu decidi falar com ela. Eu disse, "É bom ver você de novo." "É bom vê-lo também", respondeu ela. Foi isso. Ela simplesmente desapareceu. 


Embora a Bíblia advirta contra a abertura de portais a  tais "espíritos familiares" ou outros meios de consulta aos ''mortos'' e a sibilas, o renascimento de antigos oráculos e as experiências sendo elaboradas a partir destes são curiosidades especialmente sedutoras(e enganadoras) para os seguidores da religião moderna. Uma rápida olhada através dos programas de televisão mais populares ilustram muito sobre o interesse do público nesta área: Ghost Hunters, Ghost Hunters International, Ghost Hunters Academia, Ghost Whisperer, Estado Paranormal, Kids Psychic: Crianças Paranormais, Animal Planet, The Haunted, e muito mais. Sociólogos compreêndem na demanda pública para a visualização de tais evidências da espiritualidade na preferência da cultura pop, é um consenso informal para uma pós-condição do Novo Testamento teológico. Como tal, é razoável  ver como a cultura moderna pode estar se aproximando rapidamente do ponto culminante do novus Apolo ordo Seclorum-a profecia no Grande Selo dos Estados Unidos que prevê  a libertação de todas as transmigrações de espíritos malignos através dos portais do abismo, um advento profetizado em 2 Tessalonicenses 2:3 e Apocalipse 17:8 em que o demônio destruidor Apolo (apoleia: Apolion) sobem pelos portais do submundo nos últimos dias para enfrentarem o mundo que o buscou.
  Aguardem pela abertura de mais portais, nossa viagem pelo conhecimento está bem nas alturas, sem solavancos, com sustos e surpresas, mas está agradável...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Por favor, note que os comentários são moderados e que todos
os spams, insultos, proselitismo e discursos de ódio serão removidos.